Em Maio do passado ano lectivo, os Guardiões da HortaFCUL tomaram a decisão (cheia de esperança, acrescente-se) de concorrer para ganhar um fundo de apoio a atividades extracurriculares de estudantes, docentes, investigadores e outros trabalhadores da Universidade de Lisboa.

A proposta tomou o nome de “Projeto Permacultura HortaFCUL – Promover ciclos sustentáveis” e escolheu-se investir em cinco atividades, consideradas prioritárias, no sentido de impulsionar a evolução da HortaFCUL enquanto um projeto coeso e diversificado. Chegando a Julho, a resposta de que a nossa candidatura havia sido selecionada finalmente chegou e agora, terminadas as celebrações, é tempo de agir! Assim, eis as principais atividades a que nos iremos dedicar durante este ano lectivo!:

1.    Reabilitar o viveiro e criar um espaço dedicado à germinação de sementes e crescimento de hortícolas que irão sustentar a horta, diminuindo assim a nossa dependência em relação a outras estufas e, por conseguinte, fechando o ciclo da horta.

2.    Montar um banco de sementes, complementar à atividade do viveiro, possibilitando a conservação das nossas sementes – as nativas – também designadas sementes crioulas, assim como a produção de outras. Em adição, esta atividade será coordenada em parceria com o Banco de Sementes do Jardim Botânico de Lisboa e com a Associação Colher para Semear (da qual a HortaFCUL é sócio-guardião), armazenando sementes, na prevenção da extinção de certas culturas portuguesas!

3.    Produção de óleos essenciais, extraídos das plantas aromáticas que vivem na horta, visando: i) potenciar o conhecimento sobre esta temática; ii) promover o estudo dos seus componentes celulares e, assim, a diversidade de aplicações dos óleos essenciais; iii) incentivar a comunidade académica a descobrir e a criar vínculos com a Natureza.

4.    Identificar e catalogar a diversidade biológica da horta, num esforço de dar a conhecer ao público em geral as temáticas que nos inspiram e as atividades desenvolvidas.

5.    Pintura do mural da horta (o muro subjacente, isto é), pelo artista amador MONK.ey, trazido até nós em colaboração com a Arte Viral, no âmbito de comunicar conhecimento científico sobre solos e sucessão ecológica à comunidade académica através da arte!

Muitas destas atividades foram sonhos partilhados no Dragon Dreaming (http://www.fc.ul.pt/noticia/03-10-2014/dragon-dreaming-hortafcul-2014) e, para nós, tem sido fantástico ver que tão rapidamente os sonhos se começam a tornar realidade, com a ajuda da UL! Esperamos que, depois desta leitura, estejam tão empolgados com este novo ano lectivo na HortaFCUL como nós! A pouco e pouco vamos pavimentando o caminho para a sustentabilidade, junta-te a nós na actividade que mais te motivar!